28 março 2013

ADOLESCENTE DE 13 ANOS É ASSASSINADA PELO NAMORADO NO EUSÉBIO-CE

Preso pelo Ronda do Quarteirão, José Edneudo da Silva, 21, sustentou que o tiro foi acidental. Os vizinhos disseram que o casal havia brigado e a garota agredida
 
A adolescente Edvânia Uchoa Alves, 13, foi assassinada com um tiro de garrucha, na manhã de ontem, na localidade de Jabuti, no Município do Eusébio (Região Metropolitana de Fortaleza). O acusado do crime é o vendedor ambulante José Edneudo Lima da Silva, 21, que há cerca de seis meses vivia maritalmente com a adolescente.

Preso, Edneudo afirmou na delegacia que o tiro foi acidental, entretanto, testemunhas disseram que ouviram uma discussão do casal e, em seguida, o estampido. A Polícia descobriu, ainda, que, na noite anterior, a garota foi espancada e ameaçada de morte pelo amante.

Depois do tiro, Edneudo saiu de casa e pediu socorro aos vizinhos. Edvânia foi levada ao Hospital Municipal de Eusébio, onde faleceu. Ela foi atingida por um tiro na face. Enquanto a jovem era socorrida, uma patrulha do Ronda do Quarteirão (prefixo RD-1166) foi até a residência do casal, situada na Rua São Benedito, sem número.

A casa estava vazia. Lá, foram encontradas manchas de sangue e algumas munições, inclusive de espingarda. No hospital, outros policiais militares, que estavam na viatura RD-1168, deram voz de prisão a Edneudo, que continuou mantendo a versão de tiro acidental.

Sobre a arma, ele disse que adquiriu porque tem muitos inimigos, mas não explicou o motivo das rixas tão acirradas a ponto de estar sendo jurado de morte. Edneudo não explicou a origem de outras munições encontradas na residência dele.

"Acidente"
Edneudo contou à delegada Ana Lúcia Almeida que ocorrera um "acidente", ao se referir ao tiro. Disse que, após o fato, entregou a arma ao amigo Francisco Jacley do Nascimento Rocha, 27, pintor de paredes. Ele também foi detido, prestou depoimento como testemunhas e, em seguida, foi liberado pela Polícia.

Uma tia da adolescente compareceu à delegacia e contou à delegada que o casal estava morando junto há seis meses. No começo da noite de ontem, a delegada Ana Lúcia Almeida confirmou que Edneudo foi autuado por crime de homicídio.

Fonte: DN/Via:Blog Combate Policial

Um comentário:

  1. Apesar de todos os movimentos contra violencia domestica a lei maria da penha, o indice de violência contra as mulheres no brasil é absurdamente alto, falta leis mais severas, e concientização destes covardes sem caráter.

    ResponderExcluir