Presidiário morre afogado em piscina de bar em Mossoró


O presidiário Franklin André de Aquino, 37, que residia na rua Mestre Baltazar Linhares, no Alto da Pelônia, em Mossoró, morreu afogado ontem na piscina do "Bar da Torre", próximo à sua casa. Ele estava em liberdade condicional há pouco menos de um mês, entrou na piscina depois de ter cheirado cola e se afogou, sem que a proprietária do estabelecimento percebesse sua presença no local.

Segundo informações repassadas pelo soldado Cláudio, comandante da viatura 1204, que juntamente com o policial Jaziel, atendeu a ocorrência, por volta das 13h, Franklin chegou ao bar, com uma lata de cola de sapateiro e pediu para tomar um banho na piscina. Na ocasião, a dona do estabelecimento informou que iria fechar o bar e pediu para que ele se retiasse do local.


A mulher, pensando que Franklin havia ido embora, não viu que ele deu a volta por trás do estabelecimento e entrou na piscina. Quando se preparava para ir embora, a proprietária avistou as roupas do rapaz na borda da piscina e ao olhar onde ele estava,o encontrou afogado.

O Corpo de Bombeiros retirou o corpo da água e em seguida o entregou aos peritos do Instituto Técnico e Científico de Polícia (Itep).


A dona de casa Maria Solange de André, irmã da vítima, disse que Franklin estava em liberdade condicional há menos de um mês, depois de ter passado mais de cinco anos detido no Complexo Penitenciário Estadual Agrícola Mário Negócio (CPEAMN), por tráfico de drogas. 


Fonte:Umarizal em Fotos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SEGUIDORES